Escrito por Enilda Falcão Lins    Sáb, 12 de Março de 2011 21:00
PDF
Cumprindo a Grande Comissão
Tamanho da Fonte
Devocionais

Texto: Ezequiel 3 .18.

 

“Quando eu disser a um ímpio que ele vai morrer, e você não o advertir nem lhe falar para dissuadi-lo dos seus maus caminhos para salvar a vida dele, aquele ímpio morrerá por sua iniqüidade; mas para mim você será responsável pela morte dele”. (v. 18).


Aplicando à Minha Vida:

Em Mateus 28 .19 a 20, temos registrado a Grande Comissão. Trata-se de uma incumbência dada por Jesus a todos Seus seguidores, portanto, não apenas aos missionários, pastores e evangelistas, mas a todos que se tornaram Seus discípulos. Esse é o nosso compromisso com Jesus e, não se trata de algo opcional, mas de uma ordem e, descumpri-la resultará em desobediência ao Senhor Jesus Cristo.


No texto citado de Ezequiel, Deus nos coloca como responsáveis pelos incrédulos que vivem ao nosso redor, conseqüentemente, não podemos nos calar, acomodar, nem tão pouco ter medo ou vergonha de falar de Jesus às pessoas. Esta é, portanto, uma oportunidade de refletirmos e tomarmos uma nova postura de obediência ao Senhor da Seara e cumprirmos a Grande Comissão.

Ao mesmo tempo em que temos esta responsabilidade tão grande, também temos recompensas preciosas quando cumprimos a Grande Comissão, senão vejamos:

1) É motivo de grande honra para nós, sermos usados por Deus, trabalharmos com Ele e sermos representantes d’Ele. Somos colaboradores de Deus na construção do Seu Reino;

2) Falar às pessoas que não conhecem a Jesus, como obter a vida eterna, como encontrar a “Água da Vida”, é a melhor coisa que podemos fazer por elas. Partilhar esta preciosa notícia é o maior gesto de amor que podemos mostrar a qualquer pessoa;

 

3) O Senhor recompensará a nossa obediência.


Quando pensamos que a cada dia que passa a volta de Jesus mais próxima fica, precisamos ser diligentes com a nossa missão. Jesus disse: “Enquanto é dia, precisamos realizar a obra daquele que me enviou. A noite se aproxima quando ninguém pode trabalhar”. João 9.4.

Não vamos perder mais tempo, irmãos, vamos sim iniciar ou continuar a nossa missão de ganhar outras pessoas para Cristo e, isto não significa que teremos necessariamente de deixar o nosso trabalho para nos tornarmos um missionário, um pastor, um evangelista, mas Deus quer nos usar onde estivermos. Seja você professor, médico, advogado, vendedor, executivo, dona de casa, qualquer que seja sua atividade, a partir de hoje firme com Deus o propósito de não perder mais as oportunidades de compartilhar as boas novas de salvação que Ele colocar no seu caminho.

Você pode ser chamado também para desenvolver sua missão de modo mais específico e, se sentir de Deus o chamado, não resista. Diga: Eis-me aqui! E, aqueles que não são chamados como obreiros para o campo, podem somar com a obra missionária, orando pelos missionários, contribuindo com as ofertas missionárias, participando dos planos de adoção, etc.

Reflexão: Lance os olhares ao seu redor, no lugar onde você vive, porque aí é seu campo missionário particular e, a cada novo dia pergunte ao Senhor: “Senhor, mostra-me onde encontrar a pessoa que eu devo falar de Jesus. Mostra-me onde está a pessoa que eu devo ajudar hoje”.

 

Enilda Falcão Lins

Enilda LinsDrª.Enilda Lins, esposa do Pr. Isaías Andrade Lins Filho há 48 anos. Mãe de 3 (três) filhos, avó de 6(seis) netos. É Bacharel em Direito, advoga, é especialista na área de Direito de Familia, sendo Membro Efetivo do Instituto Brasileiro de Direito de Familia - IBDFAM.

Exercendo a advocacia há mais de trinta anos, a dra. Enilda Lins já exerceu diversas atividades no Serviço Público Municipal e também no Serviço Público Federal. Escritora de diversos artigos publicados em revistas e sites de cunho evangélico.


Autor deste Artigo: Enilda Falcão Lins

Exibir outros Artigos deste Autor

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Arquivos Recentes

Planejamento 2014 Download

Login Form

Informe seus dados de acesso

Esqueceu sua senha? Registrar-se

Siga também...