Escrito por Enilda Falcão Lins    Qui, 24 de Outubro de 2013 19:42
PDF
No Pódio
Tamanho da Fonte




I Coríntios 9. 24-27.


“Vocês não sabem que dentre todos os que correm no estádio, apenas um ganha o prêmio? Corram de tal modo que alcancem o prêmio.
Todos os que competem nos jogos se submetem a um treinamento rigoroso, para obter uma coroa que logo perece; mas nós o fazemos para ganhar uma coroa que dura para sempre.” I Coríntios 9.24-25.

A palavra PÓDIO é o nome dado à plataforma ou estrutura onde os concorrentes classificados nos primeiros lugares são apresentados ao público . Participar de uma olimpíada é algo muito importante e emocionante para o atleta, seja qual for a modalidade do esporte que pratica. Cada uma haverá de ser premiado, o que alcança o terceiro, o segundo e o primeiro lugar, e receberão a medalha de bronze, de prata e de ouro respectivamente. O sonho de todo desportista é receber o prêmio mais importante, conferido a quem tira o primeiro lugar, e culminar a sua vitória subindo ao pódio para recebê-lo.



É interessante observar como o atleta tem uma disciplina rígida. Exercícios diários, uma dieta alimentar rigorosa e balanceada, não pode ter vícios, deve dormir cedo, e evitar excessos em tudo o que faz. O atleta tem todo o zelo com o seu corpo, pois, da boa condição do seu físico, vai depender o seu desempenho, e consequentemente a sua vitória na competição.

O apóstolo Paulo vivia em um lugar afeito aos esportes, e por isso, aproveitou a figura do atleta para ilustrar a mensagem que desejava proferir, fazendo uma comparação muito didática entre o atleta e o discípulo de Jesus. Ele fez alusão a uma maratona em que os participantes correm no desejo de alcançar o prêmio, comparando-a com a nossa “maratona cristã”, ou seja, o desenrolar de nossa vida aqui na terra, até que cheguemos ao final da carreira, quando haveremos de perder a corrida, ou vencer e ganhar o prêmio. O conselho do apóstolo para cada um de nós é o seguinte: “Corram de tal modo que alcancem o prêmio”. Paremos um pouco para pensar: Como estamos participando da “maratona cristã”? Estamos motivados a lutar para ganhar o prêmio e subir ao pódio?

Paulo vai mais adiante, enfatizando que, assim como o atleta precisa ser disciplinado para conquistar o prêmio, nós, discípulos de Jesus também devemos ter uma vida regrada e disciplinada. A carreira cristã é bastante árdua e espinhosa, e sendo assim, faz-se necessário que observemos alguns requisitos fundamentais para que alcancemos a vitória e possamos finalmente, subir ao pódio. Senão, vejamos:

– O Alimento – Sabemos que o atleta procura seguir uma dieta rica em proteínas, carboidratos, vitaminas, sais minerais, para que possa a cada dia ficar mais resistente. Assim também ocorre com o maratonista de Cristo, e o seu alimento primordial é a Palavra de Deus, ou seja, a Bíblia Sagrada. É ela que nos tornará fortes para vencermos os obstáculos que aparecerão no caminho. Precisamos comer este alimento devagar, com calma, para que possamos degustá-lo bem, sentindo seu sabor. Quantas vezes nos apressamos na leitura da Palavra de Deus sem realmente saboreá-la... O salmista disse: “Quão doces são as tuas palavras ao meu paladar! Mais que o mel à minha boca.” Salmo 119. 103.

Quando somos diligentes, nos alimentando da Palavra de Deus, só obtemos benefícios, pois, uma alimentação diária da Bíblia Sagrada vai nos ajudar no sentido de que a ansiedade, o orgulho, o medo e a tentação não venham atacar nossos corações, e também nos fortalece, fazendo com que a nossa jornada seja vitoriosa. A Palavra de Deus nos dá sabedoria e entendimento (Salmo 119. 98 -100), ela também nos ajuda a refrear nossos pés de todo o caminho mau (Salmo 119.101). A Palavra de Deus nos ensina o roteiro da corrida cristã, nos conforta e consola quando o cansaço nos abate e nos deixa com vontade de sentar na beira do caminho, ou desistir da corrida. Ela também nos corrige quando erramos a direção, nos conduzindo de volta ao caminho certo.

– Manter diálogo com o treinador – O atleta precisa estar constantemente em contato com o seu treinador, recebendo dele as orientações necessárias, dialogando sempre com ele. A mesma coisa ocorre com o atleta de Cristo, ou seja, o discípulo de Jesus. Ele necessita desse contato constante com o Senhor, e é através dos momentos dedicados à oração que podemos conversar com Ele, trocar idéias, ouvir o que Ele tem a nos dizer, e é também o momento em que podemos levar até Ele as nossas queixas, e as nossas angústias assim como fez o salmista dizendo: “Com a minha voz clamei ao SENHOR; com a minha voz supliquei ao SENHOR. Derramei a minha queixa perante a sua face; expus-lhe a minha angústia.” Salmo 142. 1-2.

Jesus deixou o exemplo de como se consegue ter uma vida vitoriosa através da oração. Quantas vezes lemos nos Evangelhos, que Ele se afastava para um lugar sozinho, para orar. Em Marcos 6 , lemos que, depois do episódio da multiplicação dos pães, Jesus ordenou aos discípulos que subissem no barco e fossem na frente para Betsaida, enquanto isso, diz o texto o seguinte: “Depois de se despedir dos discípulos, Jesus subiu a um monte a fim de orar ali.” Marcos 6 . 46. Também em Lucas 6 .12, lemos: “Num daqueles dias, Jesus saiu para o monte a fim de orar, e passou a noite orando a Deus.” Nessa ocasião Ele estava para escolher os doze apóstolos e, foi se aconselhar com o Pai. Quantas vezes o maratonista de Jesus necessita se aconselhar com seu Treinador...

Não nos iludamos pensando que podemos vencer a nossa carreira cristã sem cultivarmos uma conversa diária com Jesus, sem compartilhar com Ele os nossos avanços, mas também os nossos fracassos. Ele espera que tenhamos esta intimidade, e nos abençoará com a Sua graça, com o seu amor sem fim, com seus ouvidos atentos, com seu perdão. Sendo assim, devemos o quanto antes, buscar um lugar quieto, seja no nosso quarto, seja num estacionamento, num parque, na escuridão silenciosa do leito, quando poderemos nos abrir sem reservas com Ele, expondo as nossas dúvidas, medos, alegrias e nossos sonhos e planos.

– Exercício – O atleta além de procurar se alimentar bem, de manter constante diálogo com seu treinador, também pratica exercícios diários. Da mesma forma acontece com o maratonista de Cristo. O exercício diário que ele pratica é o testemunho. Ele não pode ficar quieto, sem aproveitar as oportunidades para falar de Jesus às pessoas. O exercício do testemunho que ele pratica não consiste só em palavras, mas, também em atos e atitudes. Ele com a sua maneira de viver, já demonstra ser um atleta diferente, um atleta de Cristo Jesus.

Paulo orientando seu discípulo Timóteo, disse: “Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.” II Timóteo 2.15. O manejar bem a “palavra da verdade”, significa viver a Palavra de Deus, fazer o que Ele manda, e viver de forma digna, testemunhando aos outros sobre o que significa ser um filho de Deus, um discípulo de Jesus, levando-os ao desejo de conhecer o Senhor e, tornarem-se também seus seguidores. Sem praticarmos esse exercício diário, não conseguiremos chegar ao pódio para receber a coroa da vida que Jesus prometeu ao vencedor, quando disse: “Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida.” (Apocalipse 2 .10).

– Repouso – Todo atleta e praticante de atividade física deve respeitar o descanso entre um treinamento e outro, para que o corpo realize o processo de supercompensação, ou seja, para que possa se recuperar e ficar pronto para outro treinamento ou competição. O repouso, portanto, é fundamental para que ele seja bem sucedido. Assim também acontece com o maratonista de Cristo, que necessita de repouso. O nosso descanso é sob as asas do Altíssimo, como disse o salmista: “Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.” Salmo 91.1. O Salmo 37. 7, diz: “Descansa no Senhor e espera n’Ele.” O Senhor é o nosso refrigério, e nos faz repousar em verdes pastos (Salmo 23).

Para alguns, o descanso chega a ser bastante difícil, seja pela escassez de tempo, ou pela falta de oportunidade, ou por se tratar de uma pessoa “workaholic”, ou seja, viciada em trabalho, o que faz com que ela tenha dificuldade de parar para descansar. Este tipo de pessoa geralmente não consegue se desligar do trabalho mesmo fora dele, termina deixando de lado seu companheiro, filhos, demais familiares, e amigos, em detrimento do seu trabalho. Ainda é interessante salientar que este tipo de pessoa possui uma qualidade de vida muito ruim, haja vista que as pressões do dia-a-dia e a auto cobrança exagerada faz com que sofra muitas vezes com insônia, tem surtos de mau humor, impotência, atitudes agressivas muitas vezes e, pode chegar até a ter depressão, entre outros efeitos maléficos.

Chamamos, pois, a atenção para a importância do descansar no Senhor, e esperar n’Ele. Quando não descansamos no Senhor, tendemos a tomar as providências para soluções de problemas por nossa conta própria, nos precipitando, e fazendo com que tudo dê errado, nos embaraçando assim, na nossa maratona cristã. Quando não conseguimos descansar no Senhor, Ele pode fazer com que tenhamos um descanso forçado, permitindo que sejamos acometidos de alguma enfermidade, por exemplo, o que pode nos deixar acamados por longos dias...

O salmista escreveu: “Pelo contrário, tenho feito acalmar e sossegar a minha alma; qual criança desmamada sobre o seio de sua mãe, qual criança desmamada está a minha alma para comigo.” Salmo 131.2. Ele compreendia claramente a importância dos tempos de calma, de descanso, de tranquilidade. O próprio Deus descansou no sétimo dia e, Jesus vez por outra se apartava das multidões para descansar um pouco (Mateus 14 .13; Marcos 6 .31). Ele sabia muito bem que não era sábio ficar sempre envolvido em atividades, ao ponto da exaustão. Quando foi a última vez que fizemos valer as palavras do salmista: “...fiz calar e sossegar a minha alma”? Descansar no Senhor nos tornará mais aptos para ganhar a corrida, e consequentemente, subir ao pódio e receber o prêmio: a “coroa da vida”.

Reflexão: Como bons atletas de Cristo, nós não podemos deixar de ter uma alimentação espiritual saudável. Da mesma forma como nosso sistema digestivo distribui nutrientes para o nosso corpo, assim, a Palavra de Deus, quando digerida, nutre nossas mentes, emoções e vontades. Também, para que possamos chegar firmes e fortes ao fim da carreira, e subirmos ao pódio para receber o prêmio, não podemos abrir mão da nossa conversa diária com o Treinador Divino. E a prática do exercício diário também não pode faltar, quando estaremos testemunhando de Jesus por onde andarmos, e assim estaremos nos fortalecendo e nos tornando aptos para alcançar o tão almejado prêmio. Finalmente, lembremo-nos do descanso, pois ele é fundamental para que alcancemos a vitória. Deus nos adverte através do profeta Isaias dizendo: “Porque assim diz o Senhor DEUS, o Santo de Israel: Voltando e descansando sereis salvos; no sossego e na confiança estaria a vossa força, mas não quisestes.” Isaias 30. 15b. Sejamos atletas diligentes, não vamos dar ênfase às recompensas temporais, que perecem com o passar do tempo, mas, mantenhamos o foco principal: Alcançar a coroa incorruptível, assim como nos aconselhou Paulo dizendo: “Todos os que competem nos jogos se submetem a um treinamento rigoroso, para obter uma coroa que logo perece; mas nós o fazemos para ganhar uma coroa que dura para sempre.”! Coríntios 9. 25.   Assim, sem dúvida subiremos no PÓDIO e receberemos “a coroa da vida” (Apocalipse 2 . 10). Pense nisso!

 

Enilda Falcão Lins

Enilda LinsDrª.Enilda Lins, esposa do Pr. Isaías Andrade Lins Filho há 48 anos. Mãe de 3 (três) filhos, avó de 6(seis) netos. É Bacharel em Direito, advoga, é especialista na área de Direito de Familia, sendo Membro Efetivo do Instituto Brasileiro de Direito de Familia - IBDFAM.

Exercendo a advocacia há mais de trinta anos, a dra. Enilda Lins já exerceu diversas atividades no Serviço Público Municipal e também no Serviço Público Federal. Escritora de diversos artigos publicados em revistas e sites de cunho evangélico.


Autor deste Artigo: Enilda Falcão Lins

Exibir outros Artigos deste Autor

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Arquivos Recentes

Planejamento 2014 Download

Login Form

Informe seus dados de acesso

Esqueceu sua senha? Registrar-se

Siga também...