Escrito por Enilda Falcão Lins    Qui, 19 de Setembro de 2013 17:52
PDF
Correntes Quebradas
Tamanho da Fonte

Salmo 107

“Ele os tirou da escuridão, das trevas, e quebrou em pedaços as correntes que os prendiam.” Salmo 107-14.

Uma das coisas que mais desejamos na vida é a liberdade. O homem não foi criado para viver aprisionado, enclausurado, nem limitado em seus ideais e ideias. Prezamos pela nossa condição de ir e vir, garantida pela nossa Constituição, cuidamos de preservar nosso direito de nos expressar livremente, de poder manifestar a ideologia política que abraçamos, de ter liberdade religiosa e, atualmente luta-se pela liberdade sexual, no sentido de a pessoa se assumir como é. Os grandes movimentos das liberdades, em verdade, não são coisas do presente século, mas, têm seus primórdios no período pós-renascença, a partir dos séculos XVI e XVII, quando o Humanismo e o Iluminismo colocaram o homem como centro do universo e dos interesses sociais.

Muitas vezes o homem por se considerar livre, acha que pode fazer o que bem entende na vida, e desta forma, fere os princípios de Deus, seus ensinos e mandamentos, tornando-se escravo do pecado. Há um texto bíblico que muito bem revela qual é a maneira em que verdadeiramente podemos nos considerar livres, ou, como podemos obter a verdadeira liberdade. Encontra-se em João 8. 31-32 que diz: “Então Jesus disse para os que creram nele: - Se vocês continuarem a obedecer aos meus ensinamentos serão de fato, meus discípulos e conhecerão a verdade, e a verdade os libertará.” Ainda lemos Jesus dizendo o seguinte: “Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim.” João 14.6. . Ele, Jesus, é a verdade. Isto na prática que dizer que, conhecer a verdade significa conhecer a pessoa de Jesus. Significa saber de coisas (verdades) acerca da vida e da morte, de Deus e das trevas, de Jesus e de nós, da Palavra de Deus. Ter os olhos abertos para enxergar o que a “Verdade” quer nos mostrar sobre nossos conceitos, nossa maneira de viver, de ser, e isto encontramos na Palavra. E sendo assim, ficamos sabendo de coisas que antes não sabíamos, não entendíamos, não enxergávamos.


É esse obedecer aos ensinamentos de Jesus que abre a porta para que conheçamos a Verdade e sendo assim, verdadeiramente seremos livres. Finalmente podemos fazer nossas escolhas conscientes, sem que sejamos enganados pela mentira do diabo e do seu sistema que impera no mundo, do qual, ele é o príncipe.

Deus deseja que cada filho seu faça escolhas pautadas dentro dos seus ensinamentos, o que nos dá a condição de sermos chamados seus discípulos, que conhecem a Verdade e, por isso são libertos das correntes de Satanás que é o pai da mentira, é o enganador, e quer que acreditemos em qualquer coisa, menos nos ensinamentos de Jesus. Claro, ele não quer ver o homem livre, mas, acorrentado às suas mentiras. E, quando a mentira não nos domina mais, somos libertos pela Verdade, que é Jesus e sua Palavra.

O texto em destaque de hoje, faz parte do Salmo 107, que mostra a bondade de Deus para com o Seu povo. É um Salmo que conclama àquele que foi liberto das correntes de Satanás, a louvar a Deus que com tanto amor lhe deu a libertação. Diz o Salmo 107. 1-2 o seguinte: Deem graças a Deus, o Senhor, porque ele é bom, e porque o seu amor dura para sempre. Que aqueles que ele libertou repitam isso em louvor ao Senhor.”

Satanás anda rodeando os filhos de Deus, procurando aqueles mais vulneráveis, para acorrentá-los. Isso ocorre quando nos distanciamos do Senhor, e assim, nos tornamos presas fáceis para o inimigo de nossas almas. Da mesma forma como um homem arma um alçapão para prender um pássaro, ou constrói uma armadilha para aprisiona-lo (laço do passarinheiro), assim faz Satanás com o homem, deixando-o infeliz, derrotado, e vivendo uma vida de miséria. No Salmo 107 podemos observar que foi isso o que aconteceu com o povo de Deus. Eles se rebelaram, desobedeceram, fizeram o que tinham vontade e, foram acorrentados por Satanás. A vida daquele povo perdeu o sentido... Não tinha mais alegria no coração, até que um dia lembra-se do Senhor e, “Então na sua angústia, gritaram por socorro, e o Senhor Deus os livrou das suas aflições.” Salmo 107. 6. O Salmo 91.3 diz: “Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa.” Ele promete livramento para o filho que O procura.

O versículo 10 nos diz que “Alguns estavam vivendo na escuridão, nas trevas, aflitos e presos com correntes de ferro porque haviam se revoltado contra as ordens do Deus Altíssimo e rejeitado os seus ensinamentos.” Salmo 107. 10. Eles gritaram por socorro, e Deus veio amorosamente, e os livrou das aflições, Ele quebrou em pedaços as correntes que os prendiam. Assim fará o Senhor hoje também para com aquele filho que se distanciou, está sofrendo, e está aflito. Deus nunca desiste dos seus filhos!

 

Reflexão: Se você se encontra em uma situação dessas, preso, acorrentado por Satanás, grite por socorro. Clame ao Senhor, e com certeza Ele virá cheio de amor em seu auxílio, vai quebrar as correntes, e lhe trará libertação. Como consequência você voltará a sentir alegria no coração. Santo Agostinho disse: “A busca de Deus é a busca da alegria. O encontro com Deus é a própria alegria.” Creia nisso! Permita que seu coração hoje seja regado por esta alegria, fruto do Espírito, e vá correndo ao encontro de Deus. Ele lhe espera com os braços abertos, cheios de compaixão, de perdão e amor. Amém?


 

 

Enilda Falcão Lins

Enilda LinsDrª.Enilda Lins, esposa do Pr. Isaías Andrade Lins Filho há 48 anos. Mãe de 3 (três) filhos, avó de 6(seis) netos. É Bacharel em Direito, advoga, é especialista na área de Direito de Familia, sendo Membro Efetivo do Instituto Brasileiro de Direito de Familia - IBDFAM.

Exercendo a advocacia há mais de trinta anos, a dra. Enilda Lins já exerceu diversas atividades no Serviço Público Municipal e também no Serviço Público Federal. Escritora de diversos artigos publicados em revistas e sites de cunho evangélico.


Autor deste Artigo: Enilda Falcão Lins

Exibir outros Artigos deste Autor

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Arquivos Recentes

Planejamento 2014 Download

Login Form

Informe seus dados de acesso

Esqueceu sua senha? Registrar-se

Siga também...