Escrito por Enilda Falcão Lins    Qua, 03 de Abril de 2013 14:56
PDF
Entrando Na Caverna
Tamanho da Fonte

I Reis 19. 1-18.
Ali ele entrou numa caverna para passar a noite, e, de repente o Senhor Deus lhe perguntou: O que você está fazendo aqui, Elias?” V. 9.

A caverna é sinônimo de fuga. Quem está com medo de alguma coisa procura a caverna! Elias estava com medo de Jezabel e fugiu. Estava com medo de perder a vida. Sentiu-se cansado, lutara tanto e agora suas forças pareciam exaurir-se. Caminhou quarenta dias em direção ao Monte Horebe, o Monte de Deus, e chegando lá avistou uma caverna e nela se escondeu.

Há muitos que estão procedendo tal qual Elias, entrando em cavernas e fugindo da luta. Têm medo de enfrentar suas batalhas, esquecendo-se de que O Senhor é quem luta por eles. Preferem entrar na caverna, que pode ser uma depressão, onde se entrega e deixa de lutar através da força do Senhor!  Há pessoas que estão sendo chamadas pelo Senhor para um ministério específico, mas têm medo de deixar um emprego, e ir para um campo missionário achando que vai lhe faltar o sustento necessário para sua subsistência. Outros já lutaram tanto na causa do Mestre, mas, sentem-se cansados, desanimados e querem agora uma vida mais cômoda, com menos envolvimen to e, com isso estão procurando cavernas para se esconderem e não ser incomodados. Outros enfrentam perseguições, calúnias, mentiras e, cansados, desanimados, entregam os pontos e vão correndo em busca de uma caverna. Deus não quer que seus filhos estejam em cavernas. Ele quer que eles estejam nos campos de batalha. Ali é o seu lugar.


“Estando Elias na caverna veio a palavra do Senhor que lhe disse: Que fazes aqui, Elias?” Deus não estava alegre com a fuga do seu servo. Caverna é lugar para homens covardes, incrédulos, homens de ânimos dobres, mas, Elias não era nada disso. O servo de Deus sabe que possui uma Rocha, uma Fortaleza em que pode se apoiar pode confiar e, nada deve abalar sua fé, nem o medo deve tomar conta dele. Tudo isto é obra do maligno na vida dos servos do Senhor, pretendendo desta forma obstacular os planos de Deus para a vida dos seus filhos.

Passando um vento muito forte, um terremoto e depois um fogo antes que Elias saísse da caverna, ele pôde sentir que Deus não estava nesses elementos, mas, ao passar um “cicio tranqüilo e suave” ali estava o Senhor. E Elias saiu da caverna. A paz do Senhor havia acalmado o seu coração e o encheu de confiança. O medo havia sido vencido. “Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará”... “Vai, volta ao teu caminho”... Esta foi a ordem do Senhor para Elias. Ele obedeceu e voltou para o campo de batalha.

Se você também está procurando uma caverna para se esconder, para fugir dos problemas, das responsabilidades, das dificuldades, hoje o Senhor lhe pergunta: “Que fazes aqui?” A ordem dele hoje para você é: “Vai, volta ao teu caminho...”

Reflexão: Que você possa voltar como Elias, revigorado, cheio de fé, depois dessa experiência tão íntima com Deus. “Não vos espanteis, nem os temais. O Senhor vosso Deus que vai adiante de vós, ele pelejará por vós.” Deuteronômio 1.29-30.

 

 

Enilda Falcão Lins

Enilda LinsDrª.Enilda Lins, esposa do Pr. Isaías Andrade Lins Filho há 48 anos. Mãe de 3 (três) filhos, avó de 6(seis) netos. É Bacharel em Direito, advoga, é especialista na área de Direito de Familia, sendo Membro Efetivo do Instituto Brasileiro de Direito de Familia - IBDFAM.

Exercendo a advocacia há mais de trinta anos, a dra. Enilda Lins já exerceu diversas atividades no Serviço Público Municipal e também no Serviço Público Federal. Escritora de diversos artigos publicados em revistas e sites de cunho evangélico.


Autor deste Artigo: Enilda Falcão Lins

Exibir outros Artigos deste Autor

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Arquivos Recentes

Planejamento 2014 Download

Login Form

Informe seus dados de acesso

Esqueceu sua senha? Registrar-se

Siga também...