Escrito por Enilda Falcão Lins    Sáb, 24 de Março de 2012 11:29
PDF
AMANDO DE FATO E DE VERDADE
Tamanho da Fonte

Filipenses 1 .9.

“E também faço esta oração: que o vosso amor aumente mais e mais...” Filipenses 1:9 .

“Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas de fato e de verdade” I João 3:18.

O Apóstolo Paulo se preocupava em orar por seus irmãos em Cristo, com o desejo ardente de que eles a cada dia aumentassem o sentimento do amor em seus corações, uns pelos outros.
Sabemos que este também é o anseio de Deus para seus filhos, que eles cresçam mais e mais no amor, pois é o amor o maior de todos os mandamentos. É possível que estejamos necessitando de fazer um exame introspectivo, a fim de que possamos avaliar como anda o amor em nosso coração.

Em I João 3:18 lemos: “Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas de fato e de verdade”. Muitas vezes estamos apenas expressando nosso amor através de palavras, que são totalmente anuladas por meio de nossos gestos, nossas ações. É nos momentos de crise, de dificuldades, de sofrimentos que nossos irmãos estão passando que podemos realmente testar se estamos amando apenas de línguas e de palavras, ou estamos amando de fato e de verdade.

Como o nosso Pai deve ficar tão triste, quando agimos assim, amando apenas de palavra! Vamos nos esforçar, a fim de que possamos crescer no amor. Como?  Inicialmente, obedecendo ao Pai, que ordenou: “Amai-vos uns aos outros”, depois procurando seguir o exemplo que Jesus Cristo deixou para nós, de uma vida de amor sincero para com os semelhantes, a ponto de entregar Sua vida por nós na cruz do Calvário. Amar é doação. Quando amamos de verdade, nos doamos às pessoas, através de nossos serviços, de gestos de carinho, da entrega de suprimentos materiais, às vezes apenas através de um longo abraço, ou até mesmo de apenas ouvir seus queixumes.

A irmã de um cunhado meu faleceu. Meu cunhado e minha irmã estavam completamente exaustos, depois de dias e dias acompanhando seu ente querido no hospital que era como uma mãe para eles. Depois que tudo terminou, bateu o cansaço, a prostração. Outra irmã minha que mora na mesma cidade, foi até a casa deles, convenceu-os a tomar um banho morninho. Levou uma sopa quentinha para eles, e outros alimentos. Depois que eles se alimentaram, ela pediu para eles deitassem e fez uma deliciosa massagem em cada um, deixando-os relaxados. Isso é amor em Ação. É amor de fato e de verdade.

Reflexão: Pai querido ajuda-nos a ter um coração cheio de amor primeiramente por Ti, e depois por nosso semelhante. Que o nosso amor seja genuíno, sincero, não apenas expresso por palavras, mas, através de nossas atitudes e ações, assim como revelastes Teu amor por nós. Amém!


 

Enilda Falcão Lins

Enilda LinsDrª.Enilda Lins, esposa do Pr. Isaías Andrade Lins Filho há 48 anos. Mãe de 3 (três) filhos, avó de 6(seis) netos. É Bacharel em Direito, advoga, é especialista na área de Direito de Familia, sendo Membro Efetivo do Instituto Brasileiro de Direito de Familia - IBDFAM.

Exercendo a advocacia há mais de trinta anos, a dra. Enilda Lins já exerceu diversas atividades no Serviço Público Municipal e também no Serviço Público Federal. Escritora de diversos artigos publicados em revistas e sites de cunho evangélico.


Autor deste Artigo: Enilda Falcão Lins

Exibir outros Artigos deste Autor

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Arquivos Recentes

Planejamento 2014 Download

Login Form

Informe seus dados de acesso

Esqueceu sua senha? Registrar-se

Siga também...