Escrito por Enilda Falcão Lins    Seg, 12 de Março de 2012 13:00
PDF
Alegria Mesmo No Sofrimento
Tamanho da Fonte

Romanos 5 . 1-11

E também nos alegramos nos sofrimentos, pois sabemos que os sofrimentos produzem paciência, a paciência traz a aprovação de Deus, e essa aprovação cria a esperança. Essa esperança não nos deixa decepcionados...” (vs. 3-5).

É impressionante como podemos atravessar vales profundos, mares revoltos, rios caudalosos e, ainda assim, termos paz no coração! Apenas um crente pode sofrer e sentir júbilo quando passa por sofrimentos. Até parece masoquismo, mas não é nada disso. O crente se alegra quando passa por sofrimentos porque sabe que eles são proveitosos para a sua vida. São disciplinas do Espírito Santo para que se torne mais quebrantado. Quanto o sofrimento nos aproxima de Deus! Através dele percebemos o quanto somos limitados, impotentes, o quanto precisamos depender d’Ele. Aprendemos através do sofrimento a confiar totalmente em Deus e a esperar com pa ciência por Sua ação, por Seu socorro, por Sua libertação.

Romanos 8 . 28 diz: “Pois sabemos que todas as coisas trabalham juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles a quem ele chamou de acordo com o seu plano.” Ainda em Filipenses 4 .4 lemos: “Tenham sempre alegria, unidos com o Senhor! Repito: Tenham alegria!” O crente verdadeiro é feliz. Haja o que houver, pois ele sabe que Deus está cuidando dele. Mesmo sofrendo, ele é alegre, tem paz e, irradia amor.

Também quando passamos por sofrimentos, somos exercitados na paciência. E Deus se agrada quando aprendemos a esperar nele, com toda paciência. Quando não temos paciência, apenas atrapalhamos o agir de Deus, atrapalhamos o recebimento das bênçãos e a moldagem de caráter que ele quer fazer em nós, nos tornando a cada dia mais semelhantes a Seu Filho Jesus Cristo. Esse exercitar da paciência gera em nós a esperança. A esperança de que, quando sairmos do deserto, vamos ter chuvas de bênçãos derramadas sobre nossa vida. “Essa esperança não nos deixa decepcionados...” Glória a Deus!

Reflexão: Está sofrendo? Louve! Está chorando? Se alegre no Senhor! Reconheça o agir de Deus em sua vida através do sofrimento, das provações, dos desertos, das fornalhas, das águas profundas! Espere nele com paciência. Faça como o salmista que disse: “Esperei com paciência pela ajuda de Deus, o Senhor. Ele me escutou e ouviu o meu pedido de socorro.” – Salmo 40.1.

 

Enilda Falcão Lins

Enilda LinsDrª.Enilda Lins, esposa do Pr. Isaías Andrade Lins Filho há 48 anos. Mãe de 3 (três) filhos, avó de 6(seis) netos. É Bacharel em Direito, advoga, é especialista na área de Direito de Familia, sendo Membro Efetivo do Instituto Brasileiro de Direito de Familia - IBDFAM.

Exercendo a advocacia há mais de trinta anos, a dra. Enilda Lins já exerceu diversas atividades no Serviço Público Municipal e também no Serviço Público Federal. Escritora de diversos artigos publicados em revistas e sites de cunho evangélico.


Autor deste Artigo: Enilda Falcão Lins

Exibir outros Artigos deste Autor

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Arquivos Recentes

Planejamento 2014 Download

Login Form

Informe seus dados de acesso

Esqueceu sua senha? Registrar-se

Siga também...