Escrito por Enilda Falcão Lins    Qua, 11 de Maio de 2011 10:44
PDF
Perseverando na Oração
Tamanho da Fonte

Por isso vos digo: Pedi, e dar-se-vos-á, buscai e achareis, batei e abri-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe, o que busca encontra, e a quem bate abrir-se-lhe-á”. Lucas 11 . 9-10.

Jesus nos ensinou a importância da oração através do exemplo pessoal. Observe em Lucas 5 .16; Marcos 1 .35; Mateus 14 .23 e, você verá o valor que teve a oração na vida de Jesus. É através da súplica, da intercessão que nós podemos chegar até Deus. É ela o canal que nos liga ao Senhor.
Note ainda que Jesus não tinha indisposição para falar com o Pai. Às vezes acordava cedinho! Ainda escuro e o Mestre já levantava para conversar com Deus. Em outras ocasiões, depois de um dia fastidiosos de trabalho, depois de ter atendido às multidões, Ele se afastava para um lugar deserto para orar. Ele, como Filho de Deus, necessitava constantemente da comunhão com o Pai, que diremos nós que somos frágeis, falhos, limitados e inclinados para o mal?

Jesus deseja que cada discípulo seu cultive uma vida de oração diária e, crescente. Os discípulos sentindo o desejo de aprender a orar certa feita suplicaram ao Mestre: “Senhor, ensina-nos a orar!” E o Mestre, cheio de bondade e amor ensinou aos seus seguidores como orar. Ele deixou toda a direção para se fazer uma oração através da oração conhecida como o “Pai Nosso”.

Davi sabia o valor da oração em sua vida, como através dela podia se manter erguido, em pé. Ele nos deixou vários exemplos, mas, destacamos o que ele disse no Salmo 55.16-17: “Mas eu invocarei a Deus e o Senhor me salvará. De tarde e de manhã e ao meio dia, orarei e clamarei, e Ele ouvirá a minha voz.”

Em Lucas 11 . 1-13 você querido amigo encontrará importantes orientações para o cultivo de sua vida de oração. Entre esses ensinos destacamos a perseverança, contida na “parábola do amigo importuno”. Tem pessoas que pedem uma coisa a Deus, e não oram mais por esse assunto, pois acham que não devem importunar ao Senhor. Mas, a Palavra de Deus nos ensina o contrário. Ela diz que devemos ser perseverantes e até importunos, senão vejamos: “...digo-vos que, se não se levantar para dar-lhe por ser seu amigo, todavia o fará por causa da importunação, e lhe dará tudo o que tiver necessidade” (Lucas 11 .8). Isto é perseverança na oração! Não desanime querido irmão, porque a resposta da oração nem sempre vem de imediato. Não fique sentado na beira da estrada desanimado! Não desista assim tão facilmente! Jesus quer que você seja perseverante e até mesmo que o importune na oração.

Também esta sua atitude demonstrará que você realmente tem fé. Devemos orar até sentirmos de Deus que está na hora de parar. Buscar até ter certeza da resposta. Jesus lançou um grande desafio para cada um de nós, nos estimulando a cultivar uma vida de oração crescente, quando Ele disse: “Pedi, e dar-se-vos-á, buscai e achareis, batei e abri-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe, o que busca encontra, e a quem bate abrir-se-lhe-á”

Reflexão: Aceite hoje o desafio! Aproprie-se dessas promessas com fé, e você então ficará feliz ao verificar que você pediu e recebeu; buscou e encontrou; bateu e a porta lhe foi aberta! “Provai e vede”!

 

Enilda Falcão Lins

Enilda LinsDrª.Enilda Lins, esposa do Pr. Isaías Andrade Lins Filho há 48 anos. Mãe de 3 (três) filhos, avó de 6(seis) netos. É Bacharel em Direito, advoga, é especialista na área de Direito de Familia, sendo Membro Efetivo do Instituto Brasileiro de Direito de Familia - IBDFAM.

Exercendo a advocacia há mais de trinta anos, a dra. Enilda Lins já exerceu diversas atividades no Serviço Público Municipal e também no Serviço Público Federal. Escritora de diversos artigos publicados em revistas e sites de cunho evangélico.


Autor deste Artigo: Enilda Falcão Lins

Exibir outros Artigos deste Autor

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Arquivos Recentes

Planejamento 2014 Download

Login Form

Informe seus dados de acesso

Esqueceu sua senha? Registrar-se

Siga também...